Notícias

Polêmica: Prefeitura de São Bernardo vai cobrar de concessionárias gastos com acidentados em rodovias; veja o vídeo

A Prefeitura de São Bernardo do Campo vai passar a cobrar das concessionárias de rodovias as despesas hospitalares do atendimento às vítimas de acidente que não forem moradoras da cidade.

A medida foi aprovada por unanimidade na Câmara de Vereadores da cidade nesta quarta-feira (29).

A administração municipal vai usar as tabelas do Sistema Único de Saúde (SUS) e da Associação Médica Brasileira (AMB) como base para calcular as despesas, que devem começar a ser cobradas das concessionárias já a partir da próxima semana.

O prefeito Orlando Morando é o próprio autor da lei e prometeu sancioná-la nesta sexta-feira (31).

São Bernardo do Campo é cortada por três grandes rodovias: Anchieta, Imigrantes e o Rodoanel Trecho-Sul. As duas primeiras compõem um sistema, administrado pela Ecovias, que liga São Paulo ao litoral.

Já o Rodoanel que, quando pronto vai circundar toda a região metropolitana da capital, é dividido em trechos; o Sul é administrado pela SPMar.


Comente!