Notícias

CPI do Lixo de São Bernardo é prorrogada por mais 60 dias

Instalada na Câmara de São Bernardo para analisar possíveis irregularidades no andamento do contrato entre a Prefeitura e o Consórcio SBC Valorização Revita e Lara, a CPI do Lixo prorrogou na última quinta-feira,26, os trabalhos por mais 60 dias. O relatório final deve ser entregue em 6 de setembro já que haverá recesso parlamentar em julho.

A prorrogação foi justificada pela possibilidade do calendário de oitivas (termo jurídico que define a ordem em que devem ser interrogadas as pessoas envolvidas num processo) não ser cumprido integralmente.

O depoimento de Sebastião Ney Vaz Júnior (PT), ex-secretário de Serviços Urbanos da gestão do ex-prefeito Luiz Marinho (PT), estava marcado para o dia 26, por exemplo, no entanto, ele não foi localizado e não compareceu para a oitiva.

Além da prorrogação, os parlamentares aprovaram a convocação de um representante da Cetesb (Companhia Ambiental do Estado de São Paulo). Ele deve prestar esclarecimentos sobre o arquivamento do pedido de licença para instalação da usina de incineração de lixo no terreno vizinho ao antigo Lixão do Alvarenga, hoje desativado.

Fonte: DGABC


Comente!