Volks, Ford e Mercedes confirmam participação no Salão do Automóvel

O Salão Internacional do Automóvel de São Paulo é organizado e promovido pela Reed Exhibitions Alcantara Machado, com apoio da Anfavea – Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores e Abeifa – Associação Brasileira das Empresas Importadoras e Fabricantes de Veículos Automotores.

“A lista inclui esportivos de luxo, tradição do evento, como o já garantido Nissan GT-R, que deverá ser vendido no Brasil a partir de outubro por mais de R$ 1 milhão”, detalhou a Reed. A Chevrolet trará as novas gerações de Camaro e Cruze hatch, além do Tracker reestilizado.

Ainda de acordo com a assessoria do evento, a Porsche irá expor o cupê 718 Cayman, agora equipado com motor turbo, e o novo Panamera, previsto para chegar ao país até o fim do ano. Ferrari, Lamborghini e Volvo não estarão na mostra.

Entre os confirmados no salão estão: Audi, BMW, Chery, Chrysler, Citroën, Dodge, Fiat, Ford, Chevrolet, Honda, Hyundai, Jaguar, Jeep, Kia, Land Rover, Lexus, Lifan, Mercedes-Benz, Mini, Mitsubishi, Nissan, Peugeot, Porsche, RAM, Renault, Subaru, Suzuki, Toyota, Troller e Volkswagen. A chinesa JAC ainda não confirmou presença.

O evento, além da exposição de modelos, vai oferecer test drives em carros das marcas Chevrolet, Jaguar, Land Rover, Peugeot, Nissan e Volkswagen (as únicas confirmadas até então) nos 20 mil m² externos do local.

A mostra bienal deixa o Anhembi depois de 46 anos e ganha casa nova em 2016: a feira será realizada no São Paulo Expo, atual denominação do antigo Pavilhão de Exposições Imigrantes, localizado em um dos extremos da zona sul da Capital. O acesso é facilitado por estar a 1.200 m da Avenida dos Bandeirantes, a 3 km do Aeroporto de Congonhas, a 25 km do Aeroporto de Cumbica, a 7 km da Avenida Paulista e a 850 metros da estação de metrô e do terminal rodoviário Jabaquara.

O preço do estacionamento será único, de R$ 40 por qualquer período. Os estudantes têm direito a meia entrada.