Ela mora em S. Bernardo, venceu o câncer e doou o cabelo para pacientes; saiba como doar também

Há cerca de três anos, a gerente administrativa Lucélia Cassiano Gonsales, nascida em São Bernardo do Campo, e moradora da cidade, foi diagnosticada com câncer no colo do útero.

Diante dos desafios apresentados pela doença, ela contou em entrevista ao SBC INFO que começou a ver a vida com outros olhos. “Conduzi isso como se fosse uma doença qualquer que precisasse de tratamento, embora no fundo eu tivesse noção que poderia me levar à morte”, declarou a são-bernardense.

Mesmo com o intenso tratamento realizado, felizmente, Lucélia não sofreu com a queda do cabelo, comum entre aqueles que realizam quimioterapia.

Totalmente curada e recuperada, após uma pesquisa nas redes sociais, conheceu o trabalho voluntário do massoterapeuta Roberto Aiabe que recolhe as mechas doadas e entrega os pacotes ao GRAAC, Grupo de Apoio ao Adolescente e a Criança com Câncer, em São Paulo, para que sejam confeccionadas perucas distribuídas às pacientes.

Aiabe explica que recebe as mechas pelos Correios e que as mesmas são cadastradas, permitindo que o hospital encaminhe uma carta de agradecimento.

O próprio Roberto também publica no Facebook as fotos enviadas pelas doadoras, como forma de agradecimento e de motivação, e comenta que muitas mulheres já doaram duas ou mais vezes.

Nas mãos do cabeleireiro Mauro, profissional do Studio Stylish Hair, em São Bernardo, Lucélia adquiriu um novo visual e agora espera que o ato inspire outras pessoas a fazerem o mesmo. “Conhecendo a doença, pude ter ciência da tristeza e da dor. E aprendi a ver a vida com outros olhos, foi então que eu pensei em fazer a doação”, explicou.

Quem quiser saber com detalhes os procedimentos para doar as mechas do cabelo, pode entrar em contato por meio da página www.facebook.com/doacaocabelos.

lucelia-cassiano
Lucélia venceu o câncer e doou os cabelos para confecção de perucas para pacientes, vítimas da mesma doença (Fotos: arquivo pessoal)