Ele se candidatou a vereador em São Bernardo e recebeu apenas um voto

Marcio Rocha, 44 anos, lançou-se candidato a vereador em São Bernardo do Campo, concorrendo pelo Partido Verde. Nas eleições do último dia 2 de outubro, foi registrado apenas um voto em seu nome.

Concorrendo pela segunda vez, Marcio adotou para sua campanha a mesma postura discreta e econômica de 2012. “Alguns amigos me perguntaram por que não tenho carro de som e faixas espalhadas por aí. Respeito os candidatos que o fazem, mas vejo da seguinte forma: sou candidato verde, sou contra poluição e sujeira”, explica o empresário em seu blog, hospedado no link marciorochapv.blogspot.com.br.

Marcio ainda complementa: “Sou povo e não tenho recurso para desperdiçar, se tivesse disponível investiria em algo com retorno garantido. Acredito na propaganda boca a boca, no olho no olho. Esse voto sim é garantido. E campanha política é a cara do candidato, prefiro campanha limpa”.

Curiosamente, em 2012, o empresário garantia em sua página ter apoio de cabeleireiros, funcionários da rodoviária e dos integrantes de um grupo chamado Vagasamba (veja o vídeo abaixo), o que resultou em 83 votos há quatro anos.

Agora, em 2016, os apoiadores desapareceram e o candidatou se viu só diante das urnas.

Dezenas de outros candidatos aparecem com votação zerada, mas estes aguardam a decisão da Justiça Eleitoral que indeferiu os registros após encontrar problemas na documentação.

Enquanto isso, Marcio Rocha ficará marcado como o menos votado em São Bernardo.