Drama do time de handebol feminino de São Bernardo é tema do Globo Esporte

A equipe super campeã de handebol São Bernardo/Metodista recebeu um convite para participar do primeiro Pan-Americano Feminino de Clubes que será realizado no próximo mês de novembro em Santiago, no Chile.

A Prefeitura de São Bernardo do Campo, mantenedora do time, por meio da Secretaria de Esportes e Lazer, informou não ter condições de bancar a viagem, pois as despesas não fazem parte do orçamento previsto para 2016.

Mesmo diante do cenário desfavorável, as jogadoras se reuniram e decidiram criar uma campanha de crowdfunding, uma vaquinha virtual, tendo como meta arrecadar o valor necessário para garantir a viagem.

Quem quiser ajudar as atletas pode doar qualquer valor por meio da plataforma Kickante (acesse aqui), até quarta-feira.

No próximo dia 29 de outubro, será realizada uma feijoada beneficente no Riacho Grande com toda a renda também revertida para os custos da competição. Os convites podem ser adquiridos por meio de contato pela fan page www.facebook.com/handebolsbc.

A situação vivida pela equipe de handebol foi alvo de reportagem do Globo Esporte, exibido na última quinta-feira, dia 6 de outubro. Para assistir a reportagem na íntegra, na plataforma Globo Play, clique aqui.

Em entrevista ao jornal Diário do Grande ABC, o técnico da equipe, Eduardo Carlone, garantiu a participação da equipe na competição internacional. “Com o que conseguimos até agora pagamos a estadia. A Confederação Brasileira quitou a inscrição na competição (R$ 1.640). Por enquanto, cada jogadora arcou com sua passagem e estamos fazendo essas ações para conseguir o dinheiro e ressarcir o time”, explicou o treinador que ainda acredita em um patrocínio de última hora para resolver a questão.

Leia também: