Ele é de São Bernardo e foi eleito o melhor aprendiz da Volkswagen

A Volkswagen do Brasil, por meio da filial do SENAI mantida dentro de sua fábrica na Anchieta, em São Bernardo do Campo, elegeu Juan Raphael Ferreira Suardi, de 18 anos, como o melhor aluno entre todos os formandos de 2015. O estudante recebeu a homenagem de Melhor Aprendiz do Centro de Formação Profissional Volkswagen SENAI.

O jovem representará o Brasil no evento “Best Apprentice Award (Prêmio Melhores Aprendizes)”, que vai reconhecer os melhores aprendizes do Grupo Volkswagen no mundo, em 8 de dezembro, na sede da Volkswagen, em Wolfsburg, na Alemanha. Em sua primeira viagem internacional, Juan estará na frente de membros do Board do Grupo.

Por seu desempenho diferenciado, o jovem recebeu um reconhecimento especial do Vice-Presidente de Recursos Humanos da Volkswagen do Brasil, Nilton Junior; do gerente de Gestão de Competências e Planejamento de Recursos Humanos, Sérgio Costa; e dos técnicos de ensino da escola.

Além de homenageá-lo na fábrica Anchieta, os executivos fizeram questão de visitar a residência de Juan para dar a notícia pessoalmente aos pais do jovem.

Assim que se formou, Juan foi contratado como ferramenteiro. Em outubro, seu pai, João Aparecido Suardi, completará 27 anos de Volkswagen; ele trabalha como encarregado de movimentação de materiais de Operações na fábrica Anchieta. Também trabalham na empresa, sua irmã, a analista da Qualidade Maira Ferreira Suardi e o marido dela, o inspetor de medidas Douglas Barboza Santos.

“Essa homenagem, como Melhor Aprendiz, agregará muito à minha vida profissional. É o reconhecimento por muitos anos de dedicação aos estudos e também uma grande satisfação pessoal. Estou muito feliz!”, afirmou o jovem Juan, nascido em São Bernardo do Campo.

Leia também:

Um comentário em “Ele é de São Bernardo e foi eleito o melhor aprendiz da Volkswagen

  • 26 de outubro de 2016 em 08:30
    Permalink

    Meus Parabéns Raphael, hoje tudo nao passa de
    ‘Merchandizing’ tambem fui o primeiro em minha epoca na Mercedes (Senai) ferramentaria aprendiz mecânica geral nos anos 70. Os caminhos ( caminhoes, onibus e veiculos) sao dificies, trabalhei com profissionalismo nas duas empresas como engenheiro de processos de fabricação ( planejamento) por mais de 33 anos montei muitas linha de produção e tive a opurtunidade de sair na foto do primeiro veiculos que saia na linha de montagem depois de muito trabalho nos finais de semana.
    Nao se deixe iludir pelo momento e siga seu objetivo e nunca se deixe levar pela fama sucesso ou insucesso que faz parte da vida de um profissional, um abraço.

    Roberto Conrado

    Resposta