Próximo prefeito de São Bernardo terá orçamento de R$ 5,3 bilhões à disposição

Na manhã desta segunda-feira, 10 de outubro, o atual prefeito, Luiz Marinho, entregou a proposta de Lei Orçamentária Anual (LOA) para o próximo ano ao presidente da Câmara, José Luis Ferrarezi. O documento, que prevê orçamento de R$ 5,3 bilhões, entre receitas e despesas, deve ser votado pelos vereadores até dezembro.

Em 2017 são estipulados, R$ 1,61 bilhão para a saúde, R$ 867,8 milhões para educação, R$ 766,5 milhões para mobilidade urbana, R$ 580,8 milhões para urbanismo e R$ 309,5 milhões para a habitação.

“No meu primeiro mandato, disse que ouviria o povo de São Bernardo do Campo para elaborarmos um planejamento participativo. Creio que, depois de 8 anos, realizamos mudanças muito importantes em nossa cidade. Em breve, vamos passar por um processo de transição para um novo governo. Deixo, a vocês e ao próximo gestor, uma peça orçamentária construída democraticamente, com a colaboração da nossa população, que garante – se houver vontade política – a continuidade desse legado de transformações iniciadas em 2009”, afirmou Marinho, ao concluir sua apresentação.

Leia também: