Projeto da Boeing dá R$ 180 e comida para voluntários em testes de conforto de voo

A USP e a Boeing estão desenvolvendo um novo estudo para melhorar o conforto dos passageiros de avião.

Os pesquisadores estão em busca de voluntários para realizarem voos simulados de até 6h30 e avaliarem os efeitos de itens como ruídos internos, umidade do ar, pressão atmosférica, temperatura e iluminação da cabine no conforto durante a viagem.

Durante o voo, os voluntários recebem serviço de bordo que inclui alimentação e tablets disponíveis para entretenimento dos passageiros, além de uma ajuda de custo de R$ 180 depositada em conta.

Para fazer parte do projeto, a única exigência é que a pessoa tenha experiência anterior em viagens de avião.

“Não precisa ser ninguém técnico. É até melhor que seja um passageiro comum”, afirma o professor da USP e coordenador do projeto, Jurandir Itizo Yanagihara.

As inscrições podem ser feitas pelo site do projeto (clique aqui) ou pelo e-mail conforto@usp.br.

A seleção dos candidatos aprovados para os testes será feita pelos pesquisadores do projeto.

Com informações do UOL

Leia também: