Vereadores de São Bernardo votam e rejeitam projeto de criação do Museu do Trabalhador

Nesta quarta-feira, dia 30 de novembro, durante a Sessão Ordinária, os vereadores de São Bernardo do Campo rejeitaram o Projeto de Lei n° 82/2016, encaminhado pelo prefeito Luiz Marinho, que “dispõe sobre a criação do Museu do Trabalho e dos Trabalhadores – MTT, e dá outras providências”.

O item teve 16 votos contra, 6 a favor e nenhuma abstenção.

A polêmica construção, também alvo da Justiça, segue em obras há mais de quatro anos e já custou R$ 18,8 milhões em verbas públicas.

Leia também: