Notícias

Ao lado do filho, motorista pede emprego em semáforo de São Bernardo

A internauta Elisangela Viana entrou em contato com a equipe de redação do SBC INFO para compartilhar uma cena que presenciou em São Bernardo do Campo nos últimos dias. “Passando próximo ao Walmart, no semáforo de acesso à Rua Marechal Deodoro, encontrei um senhor segurando uma faixa”, conta em mensagem enviada por e-mail.

O senhor é Adriano Ferreira da Silva, de 48 anos, que vem recorrendo aos semáforos da cidade para pedir um emprego, junto com o filho Ricardo, 10.

“Entramos em contato com ele, para saber se aceitaria doações de cesta básica, e verificar no que poderíamos ajudar, o mesmo informou que a situação é muito mais grave. Ele não tem casa para morar e passa o dia na rua com seu filho. Conseguiu espaço num lava rápido para dormir, mas pela manhã precisa sair do local. Nesse lava rápido, não tem geladeira, fogão, nem colchão. Nem se doássemos cesta básica, ele não teria onde cozinhar”, explica Elisangela.

Silva contou ao jornal Diário do Grande ABC que fica com o garoto enquanto a ex-mulher trabalha. Ele já foi caseiro, vendeu tapiocas na praia e, agora, quando volta da rua e nos fins de semana, lava carros para ganhar R$ 5. Seu sonho é voltar a atuar como motorista carreteiro.

Morador do bairro de Cidade Tiradentes, na capital paulista, acredita que pode arrumar emprego no Grande ABC, onde ele crê que existem mais oportunidades.

O esforço do homem já apresentou alguns resultados. Ele recebeu vários telefonemas com ofertas de emprego e ajuda de todos os tipos, mas ainda pôde ser visto com sua faixa, nesta sexta-feira (06/01), no mesmo semáforo próximo ao Walmart.


Comente!