Seta Atacadista fecha todas as lojas no Grande ABC

O que antes era um receio se tornou realidade na manhã desta terça-feira (31/01) aos cerca de 350 funcionários no Seta Atacadista que viram as portas fechadas nas cinco unidades que restavam na região do ABC, conforme informou o sindicato da categoria.

Nas duas últimas semanas, a rede encerrou as atividades em outras duas lojas, o que impactou diretamente cerca de 140 trabalhadores. A empresa não justificou até o momento o motivo dos fechamentos.

Das unidades que foram desativadas nesta terça, três estão localizadas em Santo André (Condomínio Maracanã, Vila João Ramalho e Utinga), uma em Mauá (Vila Noemia) e uma em Diadema (Serraria).

O diretor do Secabc (Sindicato dos Comerciários do ABC) Daniel Dias afirmou que serão realizadas assembleias em cada uma das cinco unidades da Região para esclarecer aos funcionários quais os próximos passos.

Leia também: