Funcionários da Unimed ABC podem entrar em greve na quinta-feira

Os cerca de 500 trabalhadores na Unimed ABC podem entrar em greve a partir desta quinta-feira (12/05) caso os pagamentos atrasados não sejam depositados, conforme acordo realizado na semana passada. A empresa deve o adiantamento do dia 20/04 e o complemento do dia 06/05.

De acordo com o presidente do SindSaúde ABC, Almir Rogério da Silva, a Unimed ABC relata dificuldades no recebimento das empresas contratantes e, por isso, ainda não efetuou os pagamentos salariais referentes a abril. “Estamos em negociação e aguardando o cumprimento da promessa em acertar no dia 12, mas caso não aconteça, não descarto possibilidade de greve”, explica o sindicalista.

A empresa informou, por meio de nota, que “a crise na economia brasileira atinge duramente a região do ABCD e, nos últimos meses, a Unimed ABC não ficou ilesa a esses efeitos, o que a levou, pela primeira vez em sua existência, a comunicar ao sindicato da categoria que teria a necessidade de postergar o pagamento dos colaboradores para o próximo dia 12 de maio”.