Notícias

51% dos são-bernardenses sairiam do ABC se pudessem, aponta pesquisa

O recém-lançado instituto ABC Dados ouviu a opinião de moradores da região do Grande ABC sobre diferentes temas, revelando o grau de satisfação dos mesmos com a região.

Foram entrevistadas mil pessoas com 15 anos ou mais, entre os dias 11 e 15 de janeiro. Os dados por município foram apresentados apenas em termos percentuais, com margem de erro de três pontos para mais ou para menos.

De acordo com a pesquisa, 56% dos são-bernardenses declararam que o ABC é um bom lugar para se viver, ao mesmo tempo em que 51% afirmaram que se mudariam “para viver em outra cidade ou região”.

O levantamento leva em consideração o conceito de regionalidade, não especificando, por exemplo, se os moradores de São Bernardo estão satisfeitos com a sua própria cidade. O método é criticado por analistas locais que entendem que a diferença econômica e social entre os municípios pode contaminar os resultados.

Em artigo publicado no site Capital Social, o jornalista Daniel Lima questiona o trabalho realizado. “O municipalismo não pode ser desprezado quando se trata de conhecer a autoestima e assemelhados dos moradores da região. Eles estão na região por circunstâncias geográficas, apenas ou na maioria dos casos.”, afirma.

Vale lembrar que entende-se Grande ABC a região formadas por sete cidades: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra.

A pesquisa completa, realizada pelo ABC Dados, está disponível no formato PDF neste link.


Compartilhe!
  • 3.6K
    Shares