Notícias

Volkswagen propõe redução da jornada e de salários

Funcionários das quatro fábricas da Volkswagen do Brasil receberam proposta de corte de 30% na jornada de trabalho e nos salários, além de um novo programa de lay-off (suspensão de contratos).

Segundo o Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, a empresa retomou a produção no dia 18 com apenas um turno de trabalho.

Na fábrica de São Bernardo do Campo, o grupo de 1,2 mil trabalhadores que está em lay-off desde janeiro retorna, e outro grupo, em número a ser definido, passa a participar do programa, que tem parte dos salários bancada pelo Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT).

No retorno, o foco deve ser a produção do Nivus, utilitário-esportivo (SUV) totalmente desenvolvido no Brasil que será lançado no fim deste semestre.

A montadora está preparando a fábrica para evitar o contágio do coronavírus e vai fornecer máscaras e luvas, além de medir a temperatura de todos diariamente.

Com informações da Agência Estado e InfoMoney


Compartilhe!