Notícias

Justiça nega pedido de habeas corpus de veterinários acusados de maus-tratos em São Bernardo

Um pedido de habeas corpus feito pela defesa dos proprietários da clínica veterinária alvo de ação policial em São Bernardo foi negado pela Justiça nesta quinta-feira (06).

O processo foi aberto após denúncias que envolvem crimes contra a relação de consumo, maus-tratos e fraude processual. Os dois veterinários, donos do estabelecimento, foram presos em flagrante no último sábado (01/07), no Alves Dias.

A defesa chegou a solicitar a revogação da prisão ou a conversão em prisão domiciliar, mas os proprietários da clínica devem prosseguir detidos no Centro de Detenção Provisória, no bairro Cooperativa, após um juiz acatar as denúncias e autorizar a prisão preventiva.

Mais informações em breve.

Leia também:

Vídeo e fotos mostram condições da clínica veterinária acusada de maus-tratos em São Bernardo

Clínica veterinária acusada de maus-tratos não tem alvará de funcionamento

Juiz decreta prisão preventiva de proprietário de clínica veterinária em SBC

Clínica veterinária é alvo de ação policial em São Bernardo por maus-tratos


Compartilhe!