Variedades

Morre o jornalista são-bernardense Fabio Silva Gomes

Faleceu na noite deste domingo (16) o jornalista e memorialista Fabio Silva Gomes, 30 anos, em decorrência de um linfoma, tipo de câncer que afeta os linfócitos, células responsáveis por proteger o organismo contra infecções e doenças.

Gomes tornou pública sua luta contra a doença no último mês de junho, compartilhando informações sobre internações e tratamentos. Ele deixa esposa e filha.

Nascido em São Bernardo do Campo e formado pela Universidade Metodista, trabalhou em diversos veículos de comunicação da região e publicou livros a respeito da história de famílias tradicionais da cidade.

Na extinta TV ABCD, comandou o programa “Bem Passado”, voltado para valorizar e resgatar a memória dos municípios que formam o Grande ABC. Além do interesse pela história local, era entusiasta de automóveis antigos, participando de eventos e grupos ligados ao tema.

Recentemente, Fabio atuava como assessor de imprensa do Sindicato dos Comerciários de São Paulo e comandava, juntamente com sua esposa, a fotógrafa Jessica Marcantonio, a página “Batateiros de Plantão”, no Facebook, na qual compartilhava notícias, crônicas e fotos antigas.

“Fábio era um profissional muito talentoso, mas, antes, era amigo, extremamente simples e generoso. Seu talento, aliado à sua grande disposição pelo trabalho, contribuiu significativamente para a construção da memória regional. Suas pesquisas, produção de artigos, livros, programas de TV, matérias em jornais, dentre outros, são registros importantes para a preservação de nossas memórias. Começou muito jovem e jovem ainda era… Mas, teve seu caminho abreviado. Obviamente estamos tristes, muito tristes, mas, a consolar, temos a constatação de que a intensidade de sua produção foi maior que o tempo cronológico vivido. Fábio parte deixando um rico legado e muitas saudades.”, destaca o coordenador do Centro de Memória de São Bernardo, Jorge Magyar, em nota encaminhada ao SãoBernardo.INFO

Por meio das redes sociais, outros amigos, parentes e personalidades lamentaram a morte do jornalista.

O velório acontece no saguão do Palácio João Ramalho, sede da Câmara Municipal de São Bernardo até às 15h desta segunda-feira (17). O sepultamento será realizado no cemitério Vila Carminha às 16h.


Compartilhe!
  • 2K
    Shares