São Bernardo registra primeira morte causada pela chuva em 2020

Bombeiros de São Bernardo do Campo localizaram, na manhã deste domingo (9), o corpo do vendedor ambulante Gilvan Pereira de Jesus, de 33 anos.

Ele estava desaparecido desde a tarde do sábado (8), quando foi arrastado por uma enxurrada e caiu no córrego Saracantan, durante a forte chuva que caiu na cidade.

Gilvan tinha uma barraca em que vendia hortaliças na Rua dos Vianas. Na hora da chuva, ele estava no local com a mulher de 37 anos e dois filhos, menores de idade.

Segundo a polícia, todos acabaram arrastados pela água e caíram no córrego. Um outro homem, que não fazia parte da família, também foi atingido pela enxurrada.

A mulher e os dois filhos de Gilvan foram resgatados com vida por populares e levados para a UPA Baeta Neves. O outro homem também foi resgatado e recebeu atendimento médico.

Os bombeiros fizeram buscas no córrego junto a avenida Pery Ronchetti até as 21h30, mas não conseguiram localizar o vendedor.

O corpo de Gilvan só foi encontrado no dia seguinte, por volta das 6h30, em um piscinão.

Com informações da Folha de S. Paulo e G1


Compartilhe!