Notícias

Em vídeo, Paulo Bilynskyj afirma que Priscila tirou a própria vida

Atualizado às 15h13

Em um vídeo gravado por um colega no hospital, o delegado Paulo Bilynskyj afirmou que a modelo Priscila Delgado de Barrous atirou seis vezes contra ele e depois se matou.

Conhecido nas redes sociais por defender o uso de armas, o delegado está hospitalizado após ser baleado em seu apartamento, localizado no bairro Nova Petrópolis, em São Bernardo.

Apesar do depoimento de Bilynskyj, a investigação não descarta a hipótese de feminicídio (saiba mais neste link).

Em nota, a Secretaria de Segurança de SP disse que todas as circunstâncias serão apuradas pela Corregedoria da Policia Civil.

Compartilhe!